Reflexóes de Praticantes Leigos (01)

9a781f79111226e6891b81e30fc7e138--zen-meditation-namasteO membro-praticante da Sanga Frederico Blanco de Miranda compartilhou conosco, no nosso grupo de WhatsApp, a seguinte reflexão:

Estava aqui pensando sobre maneiras de tornar a pratica mais forte do que as circunstancias do dia a dia. A resposta obvia é praticar. Afinal, é praticando que a pratica se fortalece.

No entanto, quando nossa pratica ainda esta iniciando, as circunstancias do dia a dia acabam facilmente se sobrepondo à pratica. É como se a pratica ficasse embaçada.

E ficamos tentando torná-la lìmpida e fluida, mas constantemente estamos absorvendo os ruidos das circunstancias externas. É como estar sempre começando do zero. É facil desistir, nem tão facil continuar.

O problema é que a mente perde o equilibrio alcançado muito facilmente. É facil para a mente voltar ao ponto em que estava antes, ou seja, a zona do conforto. Zona essa que por mais que esteja repleta de padroes negativos é o local habitual dela.

Acho que as circunstancias sao mais fortes do que a pratica porque a mente é mais fraca do que as circunstancias. A mente atua como uma vitima do mundo ao redor. E ela reage. Ela reage de muitas formas, desde se deprimir, tentar se impor ou ficar indiferente. Parece haver perigo em todas as possibilidades de reaçao da mente.

Alcançar o equilibrio parece ser algo que só os pintores e dançarinos tem facilidade para conseguir. Para quem nao tem muita habilidade com traços, cores e sombras, nem com o movimento dos pés, o trabalho é muito mais duro…

Eu falei em fortalecer a pratica com o intuito de fortalecer a mente, mas é interessante perceber que pratica e mente sao a mesma coisa. Pratica fortalecida significa mente fortalecida, e mente fortalecida significa pratica fortalecida.

– 18/01/2018

Uma resposta to “Reflexóes de Praticantes Leigos (01)”

  1. kondessa Says:

    Obrigada por comparrilhar essas preciosas reflexões, querida Monja!

    Gashô. _/\_

    N.

    Em 29 de jan de 2018 3:22 PM, “Sanga Soto Zen Budista Águas da Compaixão

    Curtir


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: